IMAGENS CULTURAIS

Archive for the ‘Cartaz de Exposição de Pintura’ Category

OS ANOS DE EXÍLIO DA RAINHA D. AMÉLIA, Colecção Rémi Fénerol

Posted by imagensculturais em 14 Dezembro, 2008

cartazprovisc3b3rio1A nova exposição temporária da Casa-Museu Anastácio Gonçalves, conta com uma imagem promocional simples e eficaz. Uma imagem elegante e sóbria, a preto e branco, com o retrato da última Rainha portuguesa, de idade avançada, remetendo-nos para o período de exílio. Apenas um manto e um colar de pérolas adornam a imagem de soberana. À direita, em letras douradas, é inserido o nome da mostra, que poderá ser visitada até 30 de Abril de 2009.

Este evento dá a conhecer o espólio do coleccionador Rémi Fénerol, que decidiu reunir os objectos pertencentes à Rainha D. Amélia, que  se encontravam dispersos por antigos empregados ou familiares: peças de guarda-roupa, pintura, fotografia, livros. Excertos das vivências e memórias da mulher de D. Carlos, que podem ser agora conhecidos na Casa-Museu da Av. 5 de Outubro.

Posted in Cartaz de Exposição de Pintura | Com as etiquetas : | Leave a Comment »

COLUMBANO BORDALO PINHEIRO 1874-1900

Posted by imagensculturais em 14 Outubro, 2008

 

 

 

 

 

Esta exposição ficou-me na memória sobretudo por ser um grande apreciador de pintura de retrato, pela capacidade que o  artista pode ter de captar o espírito do retratado, e da sua época. Se assim não fôr será uma mera reprodução de uma figura, sem provocar um resultado estimulante.

Columbano Bordallo Pinheiro, além de ser uma referência na pintura portuguesa no naturalismo português  era um exímio retratista, porque captava a essência da personalidade das figuras em questão (Antero de Quental, Guerra Junqueiro, Henrique Lopes de Mondonça, entre muitos outros).

Vem tudo isto a propósito da exposição “Columbano Bordalo Pinheiro 1874-1900″, que se recorda com satisfação, patente ao público no Museu do Chiado, em Lisboa, com bastante sucesso, entre 16 de Fevereiro e 27 de Maio de 2007, e do cartaz que serviu para promover esta mostra.

A imagem utilizada foi a de um auto-retrato de Columbano, onde se destacam os tons castanhos, habituais nesta fase, que colocam na tela a imagem de um pintor na concepção da obra de uma representação de si mesmo: de óculos, barba espessa, olhar inquiridor, e um grande contraste entre o cabelo e barba e camisola escura, em contraponto ao cenário em volta, a claro. É interessante recordar as inúmeras obras clássicas da autoria de  Columbano que poderiam ter sido escolhidas (como “Concerto de Amadores”, ou o “Grupo do Leão). Em contrapartida escolheu-se o menos óbvio, um auto-retrato.

Por baixo repete-se um problema habitual nos cartazes culturais: a ausência de um slogan ou de uma frase promocional que convide o visitante a conhecer a exposição. Em vez disso apenas o título informativo, com o nome do artista e os 24 anos de obra artística em exposição, que podem vir a ter seguimento numa segunda parte, a acontecer em 2010. Finalmente a indicação “org. Pedro Lapa”, dando conta da marca pessoal que o Comissário e director do Museu do Chiado emprestou à exposição.

Columbano Bordalo Pinheiro 1874-1900

16 de Fevereiro a 27 de Maio de 2007

Museu do Chiado, Lisboa

Posted in Cartaz de Exposição de Pintura, Uncategorized | Com as etiquetas : , , | Leave a Comment »

 
Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.